quarta-feira, julho 25, 2012

All I Want I Want Is You - Capitulo 1 - 2ª Temporada

*Samantha on*

-Com a licença de todos, eu gostaria de sua atenção. -o silencio tomou conta do lugar-Bem, nossa nem sei como começar... Eu sei que eu nunca agrado a todos, sei que provavelmente não irei agradá-los com minha palavras agora. Eu não sou o cara perfeito, mas eu conheci alguém perfeita. Ela me disse que Ninguém é perfeito até você encontrar o amor, o que é verdade, já que os defeitos dela acabam se tornando particularidades que eu até acho fofo as vezes. Acho que isso prova que eu realmente encontrei o amor. Eu sei que na maioria das vezes eu faço coisas erradas o que me torna tão humano quanto qualquer um, mas se todos vocês aprovarem o que eu direi em seguida eu prometo que farei até o impossivel pra fugir dos erros e fazer o meu "alguém" feliz. Eu sei que no passado eu fui um babaca, que me deixei levar pelo trabalho, que dei prioridade ao que não precisava e deixei de lado o que não podia, mas eu me arrependo e muito de tudo isso! Por isso eu estou aqui agora, quase tendo um ataque cardiaco pelo medo da resposta, mas eu queria pedir a Sammy que tenha meu coraçao e que o guarde com carinho e que continue sendo essa garota perfeita que torna qualquer momento da minha vida o melhor de todos, peço para que aceite ser a dona do meu coração e que você receba todo o amor que tenho para lhe dar - ele abriu uma caixinha com um lindo anel - sei que demorei, mas, Samantha Jones, aceita ser minha namorada? 

Cara, eu não sabia o que dizer, simplesmente... Eu fiquei estática por alguns segundos e vi Justin erguer suas sobrancelhas como tentativa de ver se eu me movia ou pelo menos reagia a algo. Meus sentidos começaram a voltar e eu percebi que todos ali na minha volta gritavam e batiam palmas. Eu não conseguia pronunciar uma palavra sequer. Apenas abri meus braços e o abracei com toda força que eu tinha. 

-Isso é um sim? 
-C-claro! Meu Deus, Justin! Eu não acredito! Eu te amo!
-Também te amo, Sammy! 

Ele segurou meu rosto e me deu um beijo daqueles, o que me deixou meio envergonhada por estar na frente de tantas pessoas! Todos gritavam, foi uma loucura!

-Desculpem-me se não os agradei, mas, é que eu precisava disso! Eu a amo demais e espero que me entendam... De qualquer forma, obrigada a todos pela presença! Hoje foi um dia cheio de surpresas, não? Kkkk Feliz Natal pra todos, amo vocês e espero vê-los em breve! 

Saímos do palco de mãos dadas. Eu com meu buquê e meu lindo anel no dedo, com um sorriso que mal cabia no meu próprio rosto. Fomos bem rapidinho para o carro porque logo ficaria difícil sair dali com o tumulto dos fãs. Chegamos no hotel e descobri que ficaríamos na suite presidencial, tipo, MEU DEUS AQUILO ERA PERFEITO! Coloquei minhas rosas num vaso sobre uma mesinha que havia ali e deixei minha câmera ali também para carregar (sim, eu filmei!) e quando virei para admirar o quarto, me deparo com Justin saltando na cama como se não houvesse amanha. Por mais maduro que ele fosse em assumir toda essa fama tão jovem, ele ainda tinha a mentalidade de uma criança de 7 anos no máximo. Ele saltou para o chão e veio correndo em minha direção e me carregou até a cama e voltou a pular enquanto eu estava deitada ali toda boba. Já haviamos namorado antes, mas oficializar tudo assim novamente e de um jeito mais fofo dessa vez foi simplesmente perfeito, além disso a música que ele me escreveu foi maravilhosa! "All I want is you" é a musica mais linda que ele já escreveu! Acabei de lembrar... Tenho que contar pra minha mãe! Ela não vai acreditar! Levantei da cama e fui rumo ao telefone do quarto. 
-Hey hey hey! Onde vai?
-Ligar pra minha mãe! 
-Por?
-Ué, tenho que contar pra ela! 
-Ela já sabe ué...
-Como?
-O show foi transmitido por TV né?
-Mas e se ela não tiver assistido? 
-Ela assistiu sim! Sabe aquela que hora que eu saí do palco? Liguei pra ela, dizendo que ela não poderia perder pois era muito importante pra mim e, creio eu, que ela tenha assistido se ela tiver pelo menos um pingo de amor por mim! 
-Ela te ama sim, amor! 
-Então ela já sabe!
-Mas não seria melhor se eu ligasse pra ela? Só pra ter certeza de que ela sabe?
-Você não disse que ela me amava? Então ela assistiu e sabe! 
-Mas lá estava tendo uma tempestade de neve! Se ela perdeu o sinal da TV? 
-Não perdeu não, amor...- ele disse descendo da cama e se aproximando de mim.
-Como você tem tanta certeza assim ein? 
-Eu sinto que deu tudo certo e ela assistiu... - ele disse colocando suas mãos em minha cintura.
-Acho melhor eu ligar pra ela antes.
-Acho melhor a gente comemorar meu incrível show de hoje e nosso namoro - ele disse dando leves beijos em meu pescoço.
-Eu não sei...
-Que tal comemorar com champanhe? 
-Justin, tua mãe te mata! E me mata por deixar você abusar da sua liberdade! 
-Ah qualé, Sam? Ela que escolheu essa suite e com certeza deve saber que na geladeira (enorme por acaso) tinha champanhe! 
-E deve achar que você tem um pouco de juízo pra não acabar com a geladeira! E se ela se esqueceu desse pequeno detalhe?
-Sabe, Sammy, você se preocupa demais com os outros! Tudo pra você tem "e se"! Para de pensar um pouco e curte o momento! 
-Tá bom...
-Vai um champanhe?
-Só uma tacinha! Tá ouvindo né? Não posso exagerar porque da ultima vez... Arg! Nem gosto de lembrar! 
-A gente vai com calma...

Entenda, quando ele diz calma... Calma pra ele é diferente! Ele que já tem o ritmo milhões de vezes mais apressado do que um adolescente normal, e ainda é hiperativo, ir com calma pra ele é quase umas mil vezes mais rápido do que eu consideraria calma... Poise, eu ainda acabando a primeira taça quando a primeira garrafa foi embora. Sim, a primeira! Ele abriu mais umas quatro, talvez cinco das mais caras e acabou me fazendo extrapolar um pouquinho! Quanto? Bem... Digamos que eu tenho vagas memórias daquela noite, como o Justin me beijando, tirando nossas roupas e derramando o restinho de champanhe que tinha na ultima garrafa em mim. Só sei que no outro dia eu acordei deitada no chão, nua, com Justin sobre mim, minha cabeça latejando, roxos na minha barriga, coxas e pescoço. Acordei Justin e ele estava com um pedaço de garrafa quebrada em uma das mãos, a qual estava sangrando por ele ter segurado em uma das partes cortantes. Ele mal tinha forças para levantar, mas conseguiu.

-Ai minha cabeça!- ele disse passando a mão suja sobre a lateral da sua testa, onde se encontrava um galo enorme. 
-Não, amor! Tua mão tá machucada olha ai! Sujou sua testa! Vai lavar! 

Assim que nos levantamos e olhamos o estado daquele quarto...

-Ai. Meu. Deus!O que aconteceu ontem a noite?
-Tenho vagas memórias, tipo a gente bebendo, dançando, rindo, transando e você batendo em mim com algo muito duro, que deve ser a causa desse galo na minha testa! Ainda bem que eu estou usando franja de novo, se não só íamos piorar as coisas...
-Cara, olha o estado disso aqui! Estouramos os travesseiros! Olha quanta pena tem por aqui! Olha onde está aquele lençol! Deus do céu! 
-Não estou me sentindo muito bem! Vou lavar esse sangue e tomar um banho, depois a gente arruma isso!

Nesse momento bateram na porta.

-Meninos! Tiveram uma boa noite? Acordem! 

Fingimos que ainda estávamos dormindo e depois de bater mais algumas vezes na porta e ter tentando falar conosco Pattie desistiu e se foi, mas logo ela volta e provavelmente com outra chave pra abrir essa porta.

-Justin! Vamos arrumar isso agora antes que a Pattie veja! E você ainda tem que pagar pelos prejuízo e pela champanhe antes que ela descubra! Ai meu deus! Vamos logo! 

Justin lavou sua mão sangrenta e eu fiz um curativo improvisado. Começamos a catar todas aquelas penas, arrumar os lençóis, voltar o colchão para o lugar, colocar as almofadas no sofá, prender as cortinas soltas, limpar o chão sujo de champanhe e outras coisas que sabe lá deus o que eram e depois de muito cansados, nos deitamos finalmente na cama. Olhei pro espelho que havia no teto e vi o quão horrível era nossa estado. Meu cabelo estava igual uma vassoura, todo duro e esquisito. Nem sei o que eu fiz com ele pra ficar naquele estado. 

-Justin, eu só não te mato por extrapolar e me fazer extrapolar porque não tenho forças pra isso.
-Ah, mas valeu a pena não?
-EU NÃO LEMBRO, IDIOTA!
-Fala serio? Força tua cabeça ai que as memórias vêem! Eu estou começando a me lembrar de algumas coisas... E que coisas! 
-O que?
-Ah, você que deve se lembrar! 
-Aaaaah, fala, amor!
-Não, não! Lembrae! 
-Aff, seu besta! Vou tomar banho...
-Ah! Eu vou também! 
-Na-na-ni-na-não! Eu vou primeiro! 
-Tem dois chuveiros, amor!
-Ah tá kkkk ok então... Ainda tenho que dar um jeito nessa sua mão machucada! 
-Não se preocupe, isso não vai me matar! Nem tá doendo! 

É, nem estava doendo... Foi só ele entrar no banho que começou a manha e toda aquela birra de criança quando machuca... Enquanto o curativo não estava pronto e bem apertado para que o remédio parasse de arder, ele não parou de resmungar. Começamos a guardar nossas coisas e a fazer as malas. Peguei minha câmera sobre a mesinha, tirei do carregador e a guardei na bolsa. Logo Pattie já estava abrindo a porta do quarto para ver se já havíamos acordado (não disse que ela arrumava um cartão pra abrir a porta?), e para nossa sorte já estavamos com tudo arrumado. 

-Então, crianças? Vamos? Nosso vôo pra Stratty sai em uma hora, e até atravessarmos a multidão de fãs na porta do hotel e chegarmos no aeroporto, demora um pouco ne? Sammy, tua mãe ligou! Ela já está quase chegando em Stratford! 
-Ok! Obrigada, Pattie! Já vamos descer!
-Mãe, pega uma garrafa d'água no seu quarto, as daqui acabaram... 
-Já acabaram? Meu deus! Vou lá pegar então! 

Assim que Pattie atravessou o portal, Justin pegou as malas e saiu me arrastando junto a ele.

-Corre! Temos que chegar lá embaixo antes da minha mãe perceber, pra eu pagar pelos estragos! 

Saímos as pressas pelos corredores até chegarmos no elevador. Assim que a porta se fechou ouvimos Pattie chamar por nós. Corremos até o balcão e Justin começou a conversar com o gerente pedindo desculpas pelos estragos e começou a negociar com ele. Assim que ele acabou o pagamento Pattie chegou com uma cara brava.

-Justin Drew Bieber! Por que saiu correndo depois de me pedir uma água? 
-Eu queria apressar o check out. 
-Mas Scooter faria isso.
-Já fiz. Não podemos atrasar o vôo né? E acho que dessa vez Scoot que fará isso! 

Ficamos mais meia hora ali esperando Scoot descer e pagar tudo. Pegamos uma vã e fomos para o aeroporto após atravessar uma multidão de fãs bloqueando a garagem do Hotel. Lembrei que eu tinha que ligar pra minha mãe. Ela logo atendeu o telefone.

-SAMANTHA JONES, NAMORANDO? 
-É, mamãe... Você viu ne? 
-Se eu vi??? CLARO NÉ, FILHOTE! Justin parou o show pra falar comigo! Esse menino é apaixonado demais! 
-Não é? Amo ele!
-Meu deus! E que pedido foi aquele? Musica, flores, anel, faltou o que mais? Chuva de papel! Kkkkk 
-Kkkkkkkkk ai, mamãe! Foi lindo ne?
-Perfeito eu diria!
-Foi sim... Estou com saudades! 
-Também! Ainda está no hotel?
-Na verdade acabei de sair de lá... Estamos quase chegando no aeroporto. 
-Acho que você chegará antes de mim em Stratty! Ontem falei com Dianna e Bruce pra saber se estava tudo bem com a casa e eles disseram que até aquele momento a neve não tinha detonado nada e que estava tudo organizado. Dessa vez acho que o inverno não foi tão extremo assim lá em Stratford né?
-Graças a Deus! 
-Assim que vocês chegarem, vão lá pra casa! Quero conversar com Pattie um pouco... 
-Tudo bem! Beijos! Te amo!
-Também te amo! 

Desliguei o telefone e abracei Justin. Ele estava tão quentinho! Queria ficar ali para sempre! Ele beijou minha testa e me aconchegou mais junto ao seu corpo. O cheiro dele era tão bom! 

Chegamos no aeroporto e pegamos o jatinho de Justin. Iríamos só ele, eu e Pattie, já que o resto da equipe passaria o Natal com suas famílias... O jatinho dele era muito confortável! Aliás, tudo com ele se torna perfeito! Mandei uma mensagem para minha mãe avisando que estávamos saindo de Toronto ela responde que já estava a caminho de casa, provavelmente ela chegaria antes. A maior parte do vôo troquei carícias com meu oficial namorado. É tão bom finalmente poder dizer isso! MEU NAMORADO! Mandei uma mensagem pra Ash contando as novidades e ela disse que já havia brigado com Ryan(G) por não ter feito algo similar. Ela assistiu tudo! Disse que gostaria de passar o ano novo conosco e eu disse que combinaríamos isso depois... Não acredito como tudo está dando perfeitamente certo! Se melhorar estraga de tão perfeito que está! Namoro o garoto dos meus sonhos, ganhei a aprovação das Beliebers, minha melhor amiga é Ashley Benson, vamos passar o Natal em Stratford como nos velhos tempos, conheci Ellen Degeneres e estou voltando pra casa de Jatinho com meu namorado e minha sogrinha linda! Como se não bastasse meu pedido de namoro ter sido maravilhoso e transmitido na TV! Eu finalmente estou vivendo um sonho! Acho que chegou a hora de tudo dar certo! Será?

*Samantha off*

________________________________________________________________________

Desculpem a demora ;S capitulo da Luana que me cobrou pra ser postado aqui e da minha "Amante" que sempre comenta carinhosamente todos os capitulos! kkkkk esse capitulo, eu pessoalmente acho inutil... ele é só pra "juntar" a primeira temporada com essa agora... Acho que eu só tinha isso pra falar... Proximo capitulo com 5 comments ein?

10 comentários:

  1. Tipo , o pedido foi muito fofo > . <
    haha , meu nome é carol tambem , na verdade é Carolina mas normalmente me apresento como carol mesmo . Mas voltando a falar do capitulo , ai como eu queria estar no lugar da Sammy *-* . Amiga da Ashley.B, namorada do Justin Bieber , uma sogra absolutamente perfeita , a vida dos sonhos de muitas garotas!!
    AAAAAA , essa amante sou eu ? OMG , tive meio que meu ataque , sai pulando feito uma louca . Me apresento como a "louca" porque é mais facil , imagina se tem duas chamadas Carol lendo , e os comentarios forem parecidos , ai c lembra que sou eu ((:
    Mas é só isso , beijos com sabor de queijo
    P.S : Se gostar de queijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos quase gêmeas então! kkkkkk acho estranho quando me chamam de Carolina .-. coisa da minha cabeça, prefiro carol!kkkkkk
      EU QUERIA SER A SAMMY! KKKKKKK A vida dela, mesmo com tanta coisa doida acontecendo, é muito boa! tem o namorado perfeito, uma boa familia, bons amigos,boa sogrinha, falta o que? kkkkkk
      sim, você logo de cara já se disse minha amante, então, é tu mesmo!
      Sou igual o Nick Jonas "I EAT CHEESE BUT ONLY ON PIZZA PLEASE!" kkkkk mentira, gosto de queijo sim, mas como o nick diz, as vezes o cheiro não me agrada kkkkkkkkkkkkk(do que eu to falando?).
      BJOOOOOS! ATÉ O PROXIMOO!

      Excluir
  2. Respostas
    1. OBRIGADA LINDA!!!! significa muito Pra mim! :)

      Excluir
  3. Respostas
    1. OBRIGAAAAAADA, MI AMORE! fico feliz que esteja gostando! :*

      Excluir
  4. continuaaa carolll, ta mt perfeitooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. prontin! kkkkk MUITO OBRIGADAAAAA! Estou mais happy agora com o comentario que vai me fazer postar o proximo cap!

      Excluir